Tuesday, February 15, 2011

Um novo obstáculo nas importações

Dia 8 de fevereiro saiu uma matéria no jornal Folha de São Paulo que me deixou um pouco preocupada, o possível aumento no imposto sobre compras no exterior no cartão de crédito, conhecido como IOF, Imposto sobre Operações Financeiras.



E onde isso nos afeta?
Simples, qualquer pagamento feito no Paypal em qualquer moeda que não é o Real é cobrado uma "taxa de conversão de moeda" que se não me engano (só pode ser isso xD) é o tal imposto sobre compras no exterior que agora é de 0,38%. Em qualquer compra internacional é cobrada essa taxa. O problema é que fizeram um decreto para esse imposto pequeno aumentar para 4%.
Então em uma compra de, por exemplo, 100 reais, em vez de pagarmos 38 centavos pagariamos 4 reais. Ok, sei que 4 reais ainda é pouco, mas em compras grandes, em group orders e na minha loja, Tocoton Alice que importa brands, isso já faria diferença.

E porque estão planejando fazer isso?
Para simplificar; um maior número de importações atrapalha a nossa economia, importando muito acabamos atrapalhando as vendas de produtos feitos no Brasil, que de acordo com empresários (pelo menos é o que diz a Folha) já tem ocorrido. Tudo porque houve um grande aumento em compras internacionais em dezembro do ano passado comparado ao registrado no mesmo período em 2009, cerca de 54% (novamente, de acordo com a Folha).

Sei que pra itens lolitas isso não faz sentido algum, mesmo porque aqui não se pode encontrar facilmente itens lolitáveis ou 100% lolita em lojas que fazem a diferença pra economia (lojas registradas e que pagam impostos, que não são os casos das lojas de Orkut e confecção). Importamos réplicas do TaoBao ou brands não exatamente por serem de marca ou porque "importado é mais chique" mas sim porque não há nada parecido por aqui. Se for para contar apenas com produtos nacionais não teriamos muitas opções, ou fariamos nossas próprias peças ou as encomendaríamos de lojas de Orkut que as confeccionam ou com costureiras comuns. Mas como esse imposto sempre valeu para todo país e para qualquer tipo compra que não é feita na moeda nacional ele continuará assim. Pedir para o governo fazer uma exceção apenas para itens lolita também é improvavel de dar certo xD

Por enquanto o decreto está sendo avaliado pelo Planalto e só entrará em vigor na data em que ele for publicado oficialmente. Agora é esperar e torcer para que tudo continue como está, que é meio difícil~

5 comments:

  1. Só no Brasil mesmo para cobrarem tanto imposto em troca de nada.
    Me deixou preocupada tambem isso.

    ReplyDelete
  2. -_-
    pqp, né? como se ter os impostos mais altos e absurdods do mundo JÁ NÃO FOSSE SUFICIENTE. nego come cocô achando que isso vai desistimular compras internacionais, pelo contrário, vai estimular mais ainda a sonegação de impostos. parabéns, governo, vcs pensam tudo da maneira errada. :D foi mal aí, mas eu não vou me limitar ao mercado nacional, que me oferece produtos mais caros por qualidade muito inferior. :D
    e 0.38%? é mais de 2,3$% de iof, pelo menos é o que eu pago todo santo mês na fatura do cartão.

    ReplyDelete
  3. AnneKira:
    ñ é? :/

    rika:
    De acordo com a folha o imposto é 0,38%. Eu fiz as contas considerando que ele é a tal "taxa de conversão de moeda" e deu 3,45% do valor total na minha última fatura. Ou esse imposto fica escondido ou é isso mesmo e tão cobrando a mais DDDD:

    ReplyDelete
  4. Isso é uma putaria.
    É rídículo você pagar impostos abissais num produto que não se produz (nem que seja similar) no Brasil :P
    Bom, fazer o que se é isso que o nosso país faz de melhor, cobrar impostos :|

    Gostei do seu blog :3

    ReplyDelete
  5. qualquer compra internacional com cartão de crédito (ou importação regular, registrada na receita) é tarifada com o iof. é meio absurdo, pq você é rico, viaja pras gringa, compra o mundo com seu cartão de crédito brasileiro e ainda tem que ficar pagando imposto pra essa bosta.

    rs

    ReplyDelete